sábado, maio 18, 2024
HomeNoticiasEstadoUma programação para se ouvir sob lua cheia: “Seresta & Serenata –...

Uma programação para se ouvir sob lua cheia: “Seresta & Serenata – Popular e Imperial”

A partir do dia 18 de junho, a cidade histórica de Mariana receberá apresentações gratuitas com bandas e grupos mineiros e nacionais

Minas Gerais carrega em suas raízes a música, e as cidades históricas foram berço para serenatas e serestas, transformando o erudito em música popular ao passar dos anos. E pensando em manter viva a cultura e a tradição mineira, o projeto “Seresta & Serenata – Popular Imperial”, dá o tom em cinco edições, de junho a outubro, sempre nos finais de semana de lua cheia.

 

Serão 21 apresentações musicais gratuitas, entre bandas, serestas e serenatas, além de palestras temáticas realizadas no dia dos eventos. Com patrocínio do INSTITUTO CULTURAL VALE, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, o projeto dará início a sua programação no dia 18 de junho, na Praça da Sé, com palestra no Cine Teatro Municipal.

 

As apresentações começarão com um cortejo de bandas, formado pela Sociedade Musical São Caetano e Sociedade Musical São Sebastião de Passagem, saindo do Terminal e do Colégio Benevides, com previsão de chegada ao palco da Praça da Sé às 20h. O primeiro show será com Turibio Santos, considerado um dos principais violonistas clássicos da atualidade, criador da Orquestra Brasileira de Violões. O artista convidará a pianista Maria Teresa Madeira e a soprano Carol Mcdavit.

 

O segundo show será com o Clube do Choro de Belo Horizonte, comando por Acir Antão, que completou mais de cinco décadas a microfone da Rádio Itatiaia de Belo Horizonte. O radialista e apresentador receberá o cantor e compositor Paulinho Pedra Azul, que comemora 40 anos dedicados à música e uma carreira celebrada por cantar e tocar às suas origens no Vale do Jetiquinhonha. No seu currículo, 30 álbuns e canções como “Bem te vi, bem te vi”, “Andar por um jardim em flor”, só para citar algumas.

 

O projeto é viabilizado por meio da Lei de Incentivo à Cultura, com patrocínio da VALE, e apoio cultural da Prefeitura Municipal de Mariana, Instituto Roque Camêllo e Clube do Choro de Belo Horizonte. Realização Idear Produção, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo, Pátria Amada Brasil, Governo Federal.

 

Programação: 18 de junho, 23 de julho, 13 de agosto, 24 de setembro e 8 de outubro.

 

Sobre o Instituto Cultural Vale

O Instituto Cultural Vale parte do princípio de que viver a cultura possibilita às pessoas ampliarem sua visão de mundo e criarem novas perspectivas de futuro. Tem um importante papel na transformação social e busca democratizar o acesso, fomentar a arte, a cultura, o conhecimento e a difusão de diversas expressões artísticas do nosso país, ao mesmo tempo em que contribui para o fortalecimento da economia criativa. São mais de 300 projetos criados, apoiados ou patrocinados em 24 estados e no Distrito Federal. Dentre eles, uma rede de espaços culturais próprios, patrocinados via Lei Federal de Incentivo à Cultura, com visitação gratuita, identidade e vocação únicas: Memorial Minas Gerais Vale (MG), Museu Vale (ES), Centro Cultural Vale Maranhão (MA) e Casa da Cultura de Canaã dos Carajás (PA). Onde tem Cultura, a Vale está. Visite o site do Instituto Cultural Vale: institutoculturalvale.org

Serviço

Seresta & Serenata – Popular e Imperial apresenta Turíbio Santos convida Maria Teresa Madeira e Carol Mcdavit, e Clube do Choro convida Paulinho Pedra Azul

Dia 18 de junho, a partir das 18h30

Local das apresentações: Praça da Sé – Mariana/MG

 

Local da palestra: Cine Teatro Municipal – Rua Frei Durão, 22 – Mariana/MG

Acesso gratuito

 

Maiores informações:

Site: www.sspi.art.br

https://www.facebook.com/idearproducao

Email: sspi@idear.art.br

 

 

Saiba mais sobre os convidados

 

– Turibio Santos

 

Considerado pela crítica e pelos especialistas como um dos principais violonistas clássicos da atualidade. Criador da Orquestra Brasileira de Violões, já se apresentou ao lado de Yehudi Menuhin, M. Rostropovitch, Victoria de Los Angeles, J. P. Rampal; e foi acompanhado por orquestras como a Royal Philharmonic Orchestra, English Chamber Orchestra, Orchestre National de France, Orchestre J. F. Paillard, Orchestre National de L’Opéra de Monte-Carlo, Concerts Pasdeloup, Concerts Colonne, Orquestra Sinfônica Brasileira, e outras.

 

– Carol Mcdavit

Doutora em música pela UNIRIO e Mestre em Música pela Manhattan School of Music de Nova Iorque, Carol Mcdavit realizou centenas de recitais no país e no exterior, com ênfase na música brasileira e americana. Foi solista das principais orquestras do país, sob a regência dos Maestros Eleazar de Carvalho, Isaac Karabtchevsky, Roberto Duarte, Roberto Tibiriça, Silvio Barbato, Gyorgy Fisher e Kurt Redel, entre outros. Carol foi protagonista em temporadas líricas dos teatros de Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Curitiba e Manaus. É professora associada de canto, dicção e ópera no Instituto Villa-Lobos da UNIRIO no Rio de Janeiro, onde desenvolve importante projeto de montagens de ópera.

– Maria Teresa Madeira

Bacharel em piano pela Escola de Música da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Mestre em Música pela Universidade de Iowa (EUA) e Doutora pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO), teve a oportunidade de estudar com Anna Carolina Pereira da Silva, Heitor Alimonda, Miguel Proença, Arthur Rowe e Daniel Shapiro, além de Myrian Dauelsberg, Jacques Klein, Sergei Dorensky, Daisy de Luca e Carmen Prazzini, mestres com quem se aperfeiçoou em interpretação. Como solista já esteve à frente de orquestras como a Sinfônica Brasileira, Petrobras Sinfônica, Sinfônica da Escola de Música da UFRJ, Popular da UNIRIO, Sinfônica da Universidade Federal de Mato Grosso, Cedar Rapids Symphony, University of Iowa Chamber Orchestra, Banda Sinfónica de la Ciudad de Córdoba (Argentina), Banda Sinfônica da Faculdade de Música do Espírito Santo. Recebeu em outubro de 2020, junto com a saxofonista Maria Bragança, o prêmio de Melhor Instrumentista pela Rádio Inconfidência de Minas Gerais com o CD “Duas Marias”.

 

– Clube do Choro de Belo Horizonte

O Clube do Choro de Belo Horizonte surgiu de reuniões semanais na capital, regadas a rodas de choro abertas para apreciadores de boa música, oficializando – se em 2006, como instituição dedicada ao incentivo e a divulgação da música, em especial, o choro, por meio de atividades de instrumentistas, compositores e intérpretes. O grupo de choro possui diversas formações, entre os mais de 50 sócios e músicos, profissionais e amadores.

– Paulinho Pedra Azul

Registrado como Paulo Hugo Morais Sobrinho, na cidade do Vale do Jequitinhonha chamada Pedra Azul. O nome artístico veio justamente do nome de sua cidade. Paulinho Pedra Azul é o segundo artista mineiro mais popular no estado, segundo pesquisas feitas pela Associação de Músicos, Arranjadores e Regentes. Não há dúvida alguma que Paulinho é um poeta das canções e das telas pintadas: são mais de 200 quadros.­

Paulinho Pedra Azul gravou uma coletânea, de quatro CDS intitulados (Primavera, Verão, Outono e Inverno), com 65 faixas. É um dos mais importantes artistas mineiros. Com mais de 150 parceiros musicais, em que ele sempre foi o letrista, tem 30 álbuns lançados de forma independente. E para comemorar seus 40 anos de carreira está lançando o primeiro livro de contos, “Eu Conto”, pela Editora Caravana e um CD duplo, com coletâneas, com 40 músicas remasterizadas.

– Acir Antão

Acir Antão é um dos grandes conhecedores do samba de Belo Horizonte. O radialista e apresentador completou cinco décadas na Rádio Itatiaia, já tendo atuado na TV Bandeirantes e na TV Minas. Sua carreira profissional começou aos 17 anos, indo de coberturas esportivas a pautas políticas. Acir já apresentou o projeto “Minas ao Luar” e permanece como um importante agitador cultural da capital mineira. A frente da presidência do Clube do Choro deste 2015, Acir, atualmente, comanda os programas “Acir Antão” e “A Hora do Coroa”, na rádio Itatiaia, divulgando cantores, compositores e instrumentistas, além de shows, audições culturais, rodas de choro e samba, eventos populares de artistas amadores, entre outros.

 

– Sociedade Musical São Caetano

Com fundação em 7 de abril de 1836, a banda de música civil monsenhor-hortense é a primeira banda da região dos Inconfidentes de que se tem relato, sendo, também, a 4ª mais antiga do Brasil e a 3ª do Estado. Em seus quase dois séculos de atividade ininterrupta, a “Baronesa”, como é carinhosamente conhecida a Banda São Caetano, promove ensino gradativo e gratuito de música, contribuindo social e culturalmente para o toda a região, além de abrilhantar festividades e solenidades pelas montanhas e vales do Brasil afora. Em virtude de sua rica história, a Banda São Caetano é reconhecida como patrimônio imaterial do estado de Minas Gerais, com regência, atualmente, de Djalma Silva Pinheiro, e sub-regência de Arjuna Rama Moreira.

– Corporação Musical São Sebastião de Passagem

Sob regência do maestro Alex Oliveira e composta por 26 músicos, a Corporação Musical São Sebastião de Bandeirantes foi fundada em 29 de setembro de 1868, no antigo arraial de São Sebastião, hoje, Bandeirantes. A corporação passou por períodos de pouca ou nenhuma atividade, durante os quais se mantiveram guardados muitos instrumentos, documentos e partituras salvos por antigos moradores e músicos. Sofreu, em 1930, com um incêndio que queimou maior parte do seu acervo, voltando às atividades na década de 50. Em 1991, deu vida a uma nova geração de músicos, que continuaram os trabalhos e, hoje, se encontram semanalmente para estudos e ensaios.

Leo Junior
Leo Juniorhttps://viralizabh.com.br
Bacharel em Publicidade e Propaganda pelo Centro Universitário UNA, graduado em Marketing pela Unopar e pós graduado em Marketing e Negócios Locais e com MBA em Marketing Estratégico Digital, é um apaixonado por futebol e comunicação além de ser Jornalista certificado pelo Ministério do Trabalho.
RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Dê sua sugestão!spot_img

Most Popular

Recent Comments