quinta-feira, junho 20, 2024
HomeNoticiasEstadoPopulação de Ouro Fino receberá oficina gratuita sobre formatação de projetos culturais

População de Ouro Fino receberá oficina gratuita sobre formatação de projetos culturais

Evento será realizado nos próximos dias 26 e 27 de abril, na ACIA, com vagas limitadas. As inscrições estão abertas.

Depois da realização do projeto “Vozes Cantam a Esperança” realizado em março, na cidade de Ouro Fino-MG, a população volta a receber mais uma ação gratuita que também faz parte do V Seminário de Economia da Cultura. A oficina “Projetos Culturais: da formatação à prestação de contas” está programada para ocorrer, nos dias 26 e 27 de abril, às 19 horas e 9 horas, respectivamente, no auditório da Associação Comercial Industrial e Agrícola de Ouro Fino – ACIA. As inscrições são limitadas e estão abertas. Elas podem ser feitas por meio do link: https://forms.gle/nKvhd6vtcA3T9vqt9 .

A oficina está voltada para a formatação de projetos culturais e será ministrada por Felipe Rodrigues Amado Leite. “Será uma oportunidade única para aqueles que desejam transformar suas ideias culturais em projetos tangíveis. É uma iniciativa importante para proporcionar o desenvolvimento cultural da região – possibilitando que novos produtores culturais surjam e que suas ideias se concretizem”, comenta o diretor da Balaio do Cerrado, Rubem dos Reis, responsável pela organização do evento.

Segundo detalha Rubem dos Reis, a oficina oferece uma visão abrangente sobre todo o processo de concepção, execução e prestação de contas de um projeto cultural. “Os participantes terão a oportunidade de compreender o processo de maturidade e desenvolvimento da ideia até a entrega dos resultados ao governo e patrocinadores, juntamente com a prestação de contas bem-sucedida. Além disso, o conhecimento permitirá explorar técnicas para elaboração, planejamento e desenvolvimento de projetos culturais em diferentes editais de fomento a nível municipal, estadual ou federal”, adianta.

A oficina tem uma carga horária de 8 horas, dividida em aulas expositivas-dialogadas, debates e atividades práticas, garantindo uma experiência de aprendizagem dinâmica e interativa. Os participantes que concluírem as atividades receberão um certificado.

Sobre o facilitador

 

O condutor da oficina, Felipe Rodrigues Amado Leite, tem vasta experiência e expertise em projetos culturais. Ele é graduado em administração pública pela Escola de Governo da Fundação João Pinheiro, e especialista em gestão e política cultural pela Universidade de Girona (Espanha).

“O Felipe Leite é uma autoridade no campo da gestão cultural. Seu currículo inclui passagens pela Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (SEPLAG) e pela Superintendência de Fomento e Incentivo à Cultura da Secretaria de Estado de Cultura de Minas Gerais. Portanto, fazemos o convite para todos aqueles que desejam concretizar suas aspirações culturais e desejam aprender com um especialista renomado no campo”, finaliza Rubem dos Reis.

Para mais informações e inscrições, confira a página do @balaiodocerrado no Instagram.

Serviço

O quê: “Projetos Culturais: da formatação à prestação de contas”

Quando: 26/04/2024, às 19 horas e 17/04/2024, às 9 horas

Onde: Associação Comercial Industrial e Agropecuária de Ouro Fino – ACIA.

Inscrições: https://forms.gle/nKvhd6vtcA3T9vqt9

Sobre o V Seminário de Economia da Cultura

 

O V Seminário de Economia da Cultura é promovido pela Balaio do Cerrado Produtora, por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais e patrocínio da TS TRIM do Brasil; com o apoio do Grupo Paranaíba e Sebrae Minas.

Neste ano, o seminário foi dividido em dois módulos de duas etapas. O primeiro aconteceu ainda em 2023, entre agosto e setembro, na cidade de Uberlândia.

A primeira etapa do primeiro módulo iniciou-se no dia 25 de agosto, com um encontro para discussão dos “Direitos Culturais na Prática”; treinamento acerca da “Nova legislação de fomento e a cultura” e um debate sobre “As manifestações populares e o desenvolvimento das cidades”. As discussões contaram com a participação de profissionais renomados para contribuir com suas experiências. Além disso, a programação se encerrou com o lançamento da premiação “Território Criativo”.

A premiação tem como objetivo reconhecer experiências em que o uso de “tecnologias artístico-culturais” resultou em algum tipo de impacto positivo ou ganho econômico, entendendo economia para além-aspecto unicamente financeiro, como a ciência da gestão de recursos.

A segunda etapa do primeiro módulo ocorreu nos dias 26 e 27 de setembro com os painéis: Cultura & ESG na prática; Arte aplicada na prática; Comunicação cultural na prática – da ação ao conteúdo; Cultura, Inovação e empregabilidade na prática. Ocorreram apresentações de teatro do Grupontapé e a programação se encerrou com a premiação do Território Criativo.

Já o segundo módulo teve início em dezembro, com as oficinas “Comunicação e/de/ mais Cultura”, “Plantando Cultura Orgânica”, na cidade de Ouro Fino. As apresentações discutiram a importância da cultura, suas diferentes áreas e oportunidades e sua relação com o mercado, juntamente de especialistas que vivem essa realidade.

Agora, finalizando o segundo módulo e o projeto, em 2024, retornamos em Ouro Fino com a oficina “PROJETOS CULTURAIS: Da formatação à prestação de contas“, nos dias 26 e 27 de abril.

Leo Junior
Leo Juniorhttps://viralizabh.com.br
Bacharel em Publicidade e Propaganda pelo Centro Universitário UNA, graduado em Marketing pela Unopar e pós graduado em Marketing e Negócios Locais e com MBA em Marketing Estratégico Digital, é um apaixonado por futebol e comunicação além de ser Jornalista certificado pelo Ministério do Trabalho.
RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Dê sua sugestão!spot_img

Most Popular

Recent Comments