terça-feira, abril 16, 2024
HomeEntretenimentoOrquestra Ouro Preto e Antonio Nóbrega celebram a mistura entre o erudito...

Orquestra Ouro Preto e Antonio Nóbrega celebram a mistura entre o erudito e o popular no palco do Sesc Palladium

Encontro que homenageia o Movimento Armorial promete emocionar o público belo-horizontino na abertura da temporada 2022 da Série Domingos Clássicos

O encontro entre a música de concerto e as raízes populares brasileiras está de volta aos palcos. “Tirando a Casaca”, espetáculo que reúne a Orquestra Ouro Preto e o multiartista e brincante Antonio Nóbrega, marca a retomada das apresentações da Série Domingos Clássicos no Grande Teatro do Sesc Palladium. A apresentação está marcada para o dia 20 de março, às 11h, com ingressos a preços populares(a partir de R$15).

Com regência do maestro Rodrigo Toffolo, o concerto convida o público a um mergulho profundo nas raízes musicais brasileiras, a partir de obras que viajam entre o frevo, o maracatu e outros ritmos nordestinos. O repertório reverencia a obra de Nóbrega e de todos aqueles que fizeram parte do Movimento Armorial, unindo a dança, a voz e a orquestração.

Instrumentista, cantor, dançarino, ator e compositor, Nóbrega caminha em consonância com diversos aspectos da cultura do país. Chamado por Ariano Suassuna a integrar o Quinteto Armorial, Antonio Nóbrega é um marco na música brasileira, responsável por inserir um novo modo de conceber e de tratar os sons, focado na busca pelas raízes da música genuinamente nacional. O artista pernambucano completa 70 anos em 2022.

O movimento que convidava o Brasil a olhar para si mesmo também é mote de uma grande exposição na capital mineira em homenagem aos seus 50 anos, comprovando sua importância e legado em vários campos da arte. “Tirando a Casaca” segue esse espírito múltiplo, extrapolando os limites da música.

“É um dos movimentos musicais mais complexos, mais incríveis que esse Brasil já produziu, nessa tentativa mágica de ter um Brasil mais brasileiro, uma cultura brasileira espontânea e ao mesmo única de um movimento que deixou marcas profundas na arte do país, em mim, e no trabalho da Orquestra Ouro Preto. A gente tem pelo Quinteto Armorial essa deferência toda especial. Então, é sempre muito bom rever esse repertório, é sempre muito bom estar junto com o Nóbrega que, neste concerto, não só toca violino junto com a orquestra, mas dança e canta vários clássicos”, adianta o maestro.

A Série Domingos Clássicos é apresentada por Sesc e Ministério do Turismo, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

 

Sobre Antonio Nóbrega

Antonio Nóbrega nasceu em Recife, Pernambuco, em 1952. Sua iniciação artística se deu através do violino, instrumento que sempre o acompanhará em suas diversas atividades artísticas. Entre 1968 e 1970, já participava da Orquestra de Câmara da Paraíba e da Orquestra Sinfônica do Recife. Em 1971 foi convidado por Ariano Suassuna para integrar o Quinteto Armorial, grupo precursor na criação de uma música de câmara brasileira de raízes populares. Fruto do seu envolvimento com o universo da cultura popular brasileira, a partir de 1976, começou a desenvolver um estilo próprio de criação em artes cênicas e música. A lista dos seus espetáculos é bastante longa, dentre eles estão A Bandeira do Divino, A Arte da CantoriaO Maracatu MisteriosoO Reino do Meio-DiaFiguralBrincante, etc.

Ao longo dos anos, tem se apresentado por inúmeros países, entre eles Portugal, Alemanha, Estados Unidos, Cuba, Rússia e França. Nóbrega é detentor de inúmeros prêmios, entre os quais o TIM de Música, SHELL de teatro, Mambembe, APCA, Conrado Wessel, etc. Recebeu por duas vezes a Comenda do Mérito Cultural.

Com sua mulher, Rosane Almeida, idealizou e dirige, em São Paulo, o Instituto Brincante. Em reconhecimento à sua obra, recebeu em 2008, o título de Cidadão Paulistano em cerimônia na Câmara dos Deputados de São Paulo.

Em 2014, juntamente com o frevo – patrimônio imaterial da humanidade – foi o homenageado do Carnaval do Recife. Nesse mesmo ano, foi lançado o filme Brincante, com direção de Walter Carvalho, que relata sua trajetória artística.

Atualmente se dedica a escrever uma obra ensaística sobre a dança brasileira enquanto prepara um novo espetáculo.

 

Serviço

“Tirando a Casaca”: Orquestra Ouro Preto e Antonio Nóbrega

Data: 20 de fevereiro, domingo

Horário: 11h

Local: Grande Teatro do Sesc Palladium (Rua Rio de Janeiro, 1046, Centro)

Ingressos: https://bileto.sympla.com.br/event/71987/d/129988

Informações: www.orquestraouropreto.com.br

 

Leo Junior
Leo Juniorhttps://viralizabh.com.br
Bacharel em Publicidade e Propaganda pelo Centro Universitário UNA, graduado em Marketing pela Unopar e pós graduado em Marketing e Negócios Locais e com MBA em Marketing Estratégico Digital, é um apaixonado por futebol e comunicação além de ser Jornalista certificado pelo Ministério do Trabalho.
RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Dê sua sugestão!spot_img

Most Popular

Recent Comments