quinta-feira, junho 20, 2024
HomeNoticiasCulturaEspaços culturais da Pampulha destacam caráter educativo em programação especial da 22ª...

Espaços culturais da Pampulha destacam caráter educativo em programação especial da 22ª Semana Nacional de Museus.

Ao longo de todo mês de maio, a Casa do Baile e o Museu de Arte da Pampulha (MAP) promovem uma série de atividades especiais com o tema "Museus, Educação e Pesquisa"

Maio é sempre um mês de celebração para os museus, no dia 18 é celebrado o Dia Internacional dos Museus e, no Brasil, é realizada a Semana Nacional de Museus. Neste ano, o tema é “Museus, Educação e Pesquisa” e os equipamentos culturais da PBH na Pampulha prepararam uma programação inclusiva e diversificada para diversos públicos e em diferentes regionais da cidade.

Realizado pela Prefeitura de Belo Horizonte em parceria com o Instituto Lumiar, o projeto Museus Pampulha busca fortalecer as ações realizadas pelo Museu de Arte da Pampulha (MAP)o Museu Casa Kubitschek (MCK) e a Casa do Baile – Centro de Referência de Arquitetura, Urbanismo e DesignTodas as atrações são gratuitas e a programação completa pode ser acessada no site do projeto.

O Programa Educativo Museus Pampulha compreende as iniciativas destes três espaços museológicos municipais que, através de projetos e dispositivos educativos e pedagógicos dinâmicos, inclusivos e interativos, proporcionam experiências que estimulem a curiosidade, a experimentação da paisagem cultural do Conjunto Moderno da Pampulha e o despertar do sentimento de pertencimento e pensamento crítico.

“Os programas educativos fortalecem os museus enquanto instituições relevantes, com função social, construindo, em diálogo com seus públicos, um espaço de experimentações, educação e produção de conhecimento.” afirma Aretha Gallego, gerente de museus da Fundação Municipal de Cultura.

 

Em 2023, o Programa Educativo Museus Pampulha realizou mais de 70 mil atendimentos que consistiram em exposições, formações, visitas mediadas escolares agendadas e espontâneas e ações educativas e culturais diversas.

A programação integrada à 22ª Semana Nacional de Museus começa com a mostra educativa “Como Nasce um Material Educativo?”, que será realizada ao longo de todo o mês, no Espaço Cobogó, da Casa do Baile. O público poderá conferir os processos de pesquisa e experimentação que, ao longo de 10 anos, culminaram na elaboração da maquete tátil, primeiro dispositivo de acessibilidade do espaço, pensado inicialmente para as pessoas com deficiência visual, mas que se mostra muito útil na mediação da arquitetura da Casa para diversos públicos. Será exposto o protótipo da maquete, imagens de visitas mediadas que mostram a experimentação desse dispositivo pedagógico com pessoas com deficiência visual, trechos de documentos técnicos de consultorias e referências bibliográficas e de práticas de outros museus. A mostra pode ser vista de quarta a domingo, das 10h às 18h, no Espaço Cobogó, da Casa do Baile.

 

No dia 15 de maio, às 14h30, é a vez do programa “MAP em Movimento” entrar no clima do evento nacional, com a edição especial Museu Cortejo no Centro Cultural São Geraldo. Integrando a programação da Semana Nacional de Museus, o Educativo do MAP convida o território cultural e criativo do bairro São Geraldo a participar do MAP em Movimento em edição especial por meio da atividade experimental “Museu Cortejo”. Rumo ao Centro Cultural São Geraldo, o cortejo terá como ponto de partida a Praça do Santuário São Geraldo até o Centro Cultural, num trajeto de 900 m. Ao fim do percurso, a equipe de educação do Museu irá realizar intervenções artísticas com o uso da técnica de lambe lambe como forma de convidar e ampliar o diálogo com a comunidade local.

O “MAP em Movimento” é um projeto estruturante que busca expandir as fronteiras tradicionais de atuação do Museu de Arte da Pampulha (MAP) levando a arte e educação para instituições de ensino ou sociais, espaços culturais e comunidades diversas. Informações e inscrições podem ser feitas pelo e-mail  map.educativo@pbh.gov.br.

 

A Casa do Baile recebe no dia 24 de maio, às 14h30, a oficina “Descrição de imagens para pessoas com deficiência visual como recurso educativo”.  A proposta é oferecer uma introdução às técnicas de audiodescrição, utilizadas, em vários contextos, para permitir o acesso de pessoas com deficiência visual a diversos conteúdos, dentre eles, os culturais. No encontro, aberto a educadores e ao público em geral, serão apresentadas as técnicas básicas de audiodescrição, descrição de imagens e ferramentas de inteligência artificial no contexto de descrição de imagens para pessoas cegas e com baixa visão.

O público irá participar ainda de uma dinâmica sensorial na Casa do Baile, na qual será possível colocar em prática esses preceitos. A ação tem vagas limitadas e, para se inscrever, basta enviar um e-mail para cb.fmc@pbh.gov.br.

O projeto Percursos Pampulha também ganha uma edição especial, “Museu de Arte da Pampulha e a relação com a história de Belo Horizonte”, que acontece no dia 25 de maio, às 9h. O público é convidado pelo Educativo do Museu de Arte da Pampulha para uma caminhada que terá como ponto de partida o Coreto da Praça da Liberdade com destino ao Museu Histórico Abílio Barreto. O trajeto de 1,5km pretende explorar a história da cidade de Belo Horizonte tecendo ligações com a origem e desenvolvimento do Museu de Arte da Pampulha e o território da Pampulha. O término da caminhada acontece no Museu Histórico Abílio Barreto (MHAB), onde, em parceria com a equipe educativa do MHAB, será realizada uma visita mediada à exposição “Fora dos Planos”. Informações e inscrições pelo e-mail map.educativo@pbh.gov.br.

 

Fechando a programação integrada à 22ª Semana Nacional de Museus, a Casa do Baile dá sequência às suas ações educativas com a ação “Arquitetura dos Sentidos – visita vendada”, no dia 29 de maio, às 14h. Nesta edição, o público irá conhecer a história, a arquitetura e o paisagismo da Casa do Baile, explorando outros sentidos para além da visão, como o tato, o olfato e a propriocepção (o sentido de sentir o próprio corpo). A atividade é aberta ao público em geral, incluindo pessoas com deficiência visual, e as vagas são limitadas. Informações e inscrições: cb.fmc@pbh.gov.br

___________________________________________________________________________

SOBRE A 22ª SEMANA NACIONAL DE MUSEUS

Em 2024, a 22ª edição da Semana Nacional de Museus traz o tema “Museus, Educação e Pesquisa”. A escolha do tema, proposto anualmente pelo Conselho Internacional de Museus – ICOM para o Dia Internacional dos Museus, celebrado em 18 de maio, apresenta uma reflexão sobre a fundamental atuação desses espaços como impulsionadores de educação e pesquisa.

A partir da definição do tema, o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC) mobiliza os museus brasileiros a se inspirarem para conceber a programação dos eventos para a Semana Nacional de Museus.

___________________________________________________________________________

 

SOBRE O PROGRAMA EDUCATIVO MUSEUS PAMPULHA

 

O Programa Educativo Museus Pampulha compreende as iniciativas de três espaços museológicos municipais, inseridos no Conjunto Moderno da Pampulha: o Museu de Arte da Pampulha, o Museu Casa Kubitschek e a Casa do Baile – Centro de Referência de Arquitetura, Urbanismo e Design.

No Museu de Arte da Pampulha, a mediação cultural se faz pela Arte-Educação por meio de projetos que ressaltam a vocação do espaço como referência da arte contemporânea na cidade. Entre essas ações, destacam-se as visitas mediadas aos jardins, o Ateliê Pampulha, Percursos Pampulha, o MAP em MovimentoFormação para Educadores, o Diálogos MAP e o Férias na Pampulha.

“São projetos que trabalham o deslocamento do Museu enquanto um vetor de promoção das artes visuais em Belo Horizonte, ampliando suas formas de acessar o público por meio de processos de mediação que vão até escolas públicas, instituições de longa permanência de pessoas idosas, organizações sociais, centros culturais entre outros locais”, contextualiza Esther Mourão, coordenadora do Museu de Arte da Pampulha.  

 

Museu Casa Kubitschek oferece, ao longo da sua programação mensal, ações de mediação com o público, que se dão por meio de diversos projetos, entre eles: Percursos Pampulha, Ateliê Pampulha, Formações Pampulha, visita mediada aos jardins, distribuição de mudas e o projeto Bordando Memórias, ação educativa que visa trabalhar a memória social e afetiva de um grupo diverso de mais de 100 mulheres, por meio de rodas de conversa, formações e a produção de bordados nos jardins do museu para exposições de curta duração do MCK. Para montagem de uma nova exposição, o espaço se encontra fechado até o dia 15 de junho, quando volta a oferecer regularmente as ações educativas.

“O Museu Casa Kubitschek busca oferecer ao público experiências reflexivas e sensíveis no campo do paisagismo, da arquitetura residencial, dos modos de morar e da história da Pampulha referenciados no movimento modernista e, também, na ocupação do território”, afirma Isabela Tavares Guerra – coordenadora do Museu Casa Kubitschek.

Na Casa do Baile, o Educativo vem ampliando a perspectiva da atuação de um Centro de Referência de Arquitetura, Urbanismo e Design para além de mediar a própria paisagem do Conjunto Moderno da Pampulha, entendendo a cidade como seu objeto de atuação, buscando alcançar públicos diversos e distintos, em múltiplas abordagens, com ações que reforcem a diversidade e a inclusão.

“Para o público interessado em arquitetura, urbanismo e design, além da própria Casa do Baile, o espaço emerge como um local de referência tanto da mediação da paisagem cultural do Conjunto Moderno da Pampulha quanto da cidade, oferecendo dispositivos educativos acessíveis para todos os públicos, em busca de promover novas abordagens de contato com a arquitetura”, explica Cássio Gonçalves Campos, coordenador da Casa do Baile.

Entre as diversas ações educativas realizadas no espaço, destacam-se visitas mediadas espontâneas, o projeto Arquitetura dos Sentidos, Tardes Líquidas, Formações PampulhaCaminhos ArquitetônicosCasa Andante e Visitas Verticais.

_________________________________________________________________________

 

Endereços:

Museu Casa Kubitschek – Av. Otacílio Negrão de Lima, 4188 – Pampulha

Museu de Arte da Pampulha – Av. Otacílio Negrão de Lima, 16585 – Pampulha

Casa do Baile – Av. Otacílio Negrão de Lima, 751 – Pampulha

Leo Junior
Leo Juniorhttps://viralizabh.com.br
Bacharel em Publicidade e Propaganda pelo Centro Universitário UNA, graduado em Marketing pela Unopar e pós graduado em Marketing e Negócios Locais e com MBA em Marketing Estratégico Digital, é um apaixonado por futebol e comunicação além de ser Jornalista certificado pelo Ministério do Trabalho.
RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Dê sua sugestão!spot_img

Most Popular

Recent Comments