domingo, junho 23, 2024
HomeNoticiasEstadoCecoop - Conselho Estadual do Cooperativismo: primeira reunião de 2024 debate demandas...

Cecoop – Conselho Estadual do Cooperativismo: primeira reunião de 2024 debate demandas do setor

Utilização dos Créditos de ICMS pelas cooperativas agropecuárias, reconhecimento de cafezais mineiros como patrimônio imaterial pela Unesco e compartilhamento de dados epidemiológicos pelos órgãos estaduais com as cooperativas de saúde foram destaques

A primeira reunião de 2024 do Conselho Estadual do Cooperativismo (Cecoop), que contou com a presença da secretária adjunta da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais e presidente do colegiado, Kathleen Garcia, e do presidente do Sistema Ocemg, Ronaldo Scucato, colocou em debate, na sede da entidade que representa a Casa do Cooperativismo Mineiro, no dia 30 de abril, questões ligadas aos ramos cooperativos agropecuário, crédito, saúde e transporte.

No segmento agro, foram discutidos o aproveitamento do elevado saldo de créditos de ICMS pelas cooperativas agropecuárias; a ampliação da aquisição de produtos lácteos, tanto para merenda escolar pela rede pública estadual de ensino quanto pelos demais órgãos estaduais, por meio do PAA – Programa de Aquisição de Alimentos e PNAE – Programa Nacional de Alimentação Escolar; e o reconhecimento dos cafezais do sul do Estado como Patrimônio Imaterial da Humanidade, pela Unesco.

Já na saúde, as cooperativas estão buscando o compartilhamento permanente de informações epidemiológicas entre as unidades de saúde pública estadual e dos municípios e os serviços de saúde suplementar do Estado, especificamente as cooperativas operadoras de planos de saúde. “Essa interação é extremamente importante para melhorar o atendimento e os resultados da saúde em Minas. Foi citado como exemplo, o compartilhamento de dados feito no período da pandemia, tendo sido fundamental no controle da situação da saúde, e o modelo adotado pela Unimed BH mostrou resultados efetivos, tendo sido citado como exemplo de sucesso pelo Fórum Econômico Mundial”, lembrou o vice-presidente do Sistema Ocemg, Samuel Flam.

A proposta do cooperativismo já foi apresentada à Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SEE-MG) em uma reunião específica, com participação da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE-MG), tendo sido bem acolhida. Na respectiva reunião ficou acordado que o pleito merecerá a atenção devida por parte das áreas técnicas da SEE-MG e oportunamente será estabelecido novo contato com o Sistema Ocemg para discussão direta com os representantes do ramo saúde, de modo a encontrar a melhor maneira de promover essa integração de informações. Na reunião do Cecoop também foram discutidas demandas ligadas à contenção do excesso de judicialização dos pedidos de medicamentos, que prejudica tanto os serviços de saúde quanto os próprios pacientes, com solicitações indevidas e aumento de custos para toda a sociedade.

Leo Junior
Leo Juniorhttps://viralizabh.com.br
Bacharel em Publicidade e Propaganda pelo Centro Universitário UNA, graduado em Marketing pela Unopar e pós graduado em Marketing e Negócios Locais e com MBA em Marketing Estratégico Digital, é um apaixonado por futebol e comunicação além de ser Jornalista certificado pelo Ministério do Trabalho.
RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Dê sua sugestão!spot_img

Most Popular

Recent Comments