domingo, junho 16, 2024
HomeGastronomiaCulinária07 a 23/06 - BH recebe o Sabores do Santa Tereza -...

07 a 23/06 – BH recebe o Sabores do Santa Tereza – 1º Festival de Tropeiro de Belo Horizonte

Circuito gastronômico dedicado ao feijão tropeiro quer celebrar e difundir o legado histórico e cultural desta receita tipicamente nacional. Evento acontece do dia 7 a 23 de junho, com a participação de 14 bares e restaurantes do bairro Santa Tereza e região

Um festival para celebrar um prato típico do Brasil que representa a miscigenação da cultura gastronômica brasileira com referências da culinária portuguesa, indígena e africana: o Feijão Tropeiro. Este é o intuito do Festival Sabores do Santa Tereza – 1º Festival de Tropeiro de Belo Horizonte, que vai acontecer de 7 a 23 de junho. O evento reunirá 14 estabelecimentos que irão elaborar um tropeiro exclusivo e um drink com cachaça, que serão os atrativos principais do circuito.

No evento de encerramento, no dia 29 de junho, sábado, que vai acontecer de 10h às 22h, na Praça Duque de Caxias, além das preparações das receitas pelos estabelecimentos e atrações artísticas, o evento evoca outras facetas relacionadas à história e consumo do tropeiro: será produzida a maior caipirinha do mundo, com o objetivo de ser registrada pelo Guiness Book. Serão utilizados um tonel de 1.000 litros, 300 litros de cachaça Jeceaba – apoiadora do evento – 100kg de limão, 60kg de açúcar, cerca de 500kg de gelo, 2 mil copos e 10 barmans.

Durante o Festival, de 7 a 23 de junho, o público irá degustar o tropeiro e o drink de cachaça de cada estabelecimento, votar e eleger os 3 melhores quanto à apresentação, sabor e criatividade. A ideia de se fazer um festival de tropeiro no bairro de Santa Tereza partiu da empresária Miriam Cerutti, proprietária do restaurante Mármore 450, localizado no bairro. Este será o primeiro festival de tropeiro de Minas Gerais, quiçá do Brasil. Mas por que fazer um festival de tropeiro? O Feijão Tropeiro é um prato típico do Brasil originário de um movimento, o tropeirismo, e não de uma região específica. Agora, os estabelecimentos participantes do festival poderão contar essa história de maneira reinventada através do prato que irão criar, promovendo o resgate de saberes ancestrais e técnicas culinárias tradicionais. Através das origens do tropeiro, buscamos inspirar a criatividade, fomentar a diversidade gastronômica e colocar o bairro de Santa Tereza no contexto gastronômico mundial, fazendo dele o lugar de referência da comida mineira, em especial do tropeiro, explica a idealizadora, Miriam Cerutti. A concepção do evento foi feita em parceria com a produtora cultural Perla Horta.

A história por trás da receita

O feijão tropeiro é um prato típico do Brasil feito principalmente com feijão, carne seca, toucinho e farinha de mandioca ou milho. Muito popular nos estados de São Paulo, Minas Gerais e Goiás, o feijão tropeiro surgiu dentro de um contexto nômade conhecido como Tropeirismo, que se resume à atividade comercial realizada pelos Tropeiros, que eram carregadores de mulas, gados, cavalos e comerciantes, que atuavam principalmente entre as regiões centro-oeste e sudeste do Brasil durante os séculos XVII e XX.

Neste período, principalmente entre os séculos XVII e XVIII, a culinária brasileira sofria forte influência de três culturas: indígena, portuguesa e africana. Foi daí que veio a combinação da farinha de mandioca com o feijão. Para facilitar o transporte de alimentos, os tropeiros costumavam carregar ingredientes secos e não perecíveis, como farinha de mandioca, farinha de milho, feijão, toucinho, charque, sal e café. Esses ingredientes formavam a base da dieta dos tropeiros. Os mantimentos e utensílios de preparo eram carregados dentro das bruacas, que eram caixas de couro presas nas cangaias dos animais de transporte.

O feijão tropeiro surgiu neste contexto: a receita era uma maneira prática e nutritiva de preparar alimentos secos e duráveis, capazes de suportar as longas jornadas dos tropeiros. O prato ganhou popularidade nos estados de São Paulo, Minas Gerais e Goiás e hoje é considerada comida típica em muitas cidades dessa região.

Serviço Festival Sabores do Santa Tereza – 1º Festival de Tropeiro de Belo Horizonte

Quando: do dia 7 a 23 de junho

Festa de Encerramento: 29 de junho na Praça Duque de Caxias

Realização: Sigga Brasil e Santa Cultura Produções

Patrocínio: Sicoob e Cerveja Therezópolis

Apoio: CDL e Cachaça Jeceaba

Parceria: Mais Cultura Produções

Assessoria de imprensa: Luz Comunicação – Jozane Faleiro

Estabelecimentos Participantes:

1-MÁRMORE 450 – R. Mármore, 450 – Santa Tereza, Belo Horizonte –https://www.instagram.com/marmore450/

2-BAR DO MUSEU CLUBE DA ESQUINA – R. Paraisópolis, 738 – Santa Tereza, Belo Horizonte

https://www.instagram.com/bardomuseuclubedaesquina/

3-THE BROTHERS – Rua Bom Despacho 373 – Santa Tereza, Belo Horizonte

https://www.instagram.com/thebrothers.bh/

4-SHERIDAN – R. Mármore, 588 – Santa Tereza, Belo Horizonte

https://www.instagram.com/sheridanrestaurante/

5- THE EAT RESTÔ – R. Ten. Vitórino, 255 – Santa Tereza, Belo Horizonte

https://www.instagram.com/theeatresto/

6- TEREZINHA BAR – R. Mármore, 773 – Santa Tereza, Belo Horizonte

https://www.instagram.com/terezinhabar/

7- BAR DU PEDRO – Esquina com – Rua Quimberlita 246, R. Ten. Freitas, 245 – 9210 9103 – Santa Tereza, Belo Horizonte

https://www.instagram.com/bardupedro/

8- TIA MALUKA – Rua Quimberlita, 20 – Santa Tereza, Belo Horizonte

https://www.instagram.com/tiamaluka.restaurante/

9- DOM CAIXETA – R. Ten. Freitas, 248 B – Santa Tereza, Belo Horizonte – MG

https://www.instagram.com/domcaixeta1/

10- ARMAZÉM 2257 – Av. do Contorno, 2257 – Santa Tereza, Belo Horizonte –

https://www.instagram.com/armazem2257/

11- A FIRMA GASTROPUB – Rua Quimberlita, 310 – Santa Tereza, Belo Horizonte https://www.instagram.com/afirma310/

12- DONA CAROLA – Rua Salinas, 2421. Santa Tereza. Belo Horizonte

https://www.instagram.com/donacarolabh

13- BAR SABORES DA ANA – R. Hermílio Alves, 500 – Santa Tereza, Belo Horizonte

https://www.instagram.com/anarestaurantebahia/

14 – CAPITÃO BISTRÔ – Rua Silvianópolis 364, Santa Tereza

Leo Junior
Leo Juniorhttps://viralizabh.com.br
Bacharel em Publicidade e Propaganda pelo Centro Universitário UNA, graduado em Marketing pela Unopar e pós graduado em Marketing e Negócios Locais e com MBA em Marketing Estratégico Digital, é um apaixonado por futebol e comunicação além de ser Jornalista certificado pelo Ministério do Trabalho.
RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Dê sua sugestão!spot_img

Most Popular

Recent Comments