domingo, abril 21, 2024
HomeNoticiasCultura1/12 - Academia Mineira de Letras apresenta livro e palestra de Ricardo...

1/12 – Academia Mineira de Letras apresenta livro e palestra de Ricardo Giannetti: ​“Ensaios para uma história da arte de Minas Gerais no século XIX”

Academia Mineira de Letras apresenta, no dia 1º de dezembro, às 19h, a palestra “Ensaios para uma história da arte de Minas Gerais no século XIX”, com o escritor Ricardo Giannetti. Na ocasião, será lançado o livro homônimo à palestra, publicado pela Editora Ramalhete. O evento é aberto ao público e a entrada é gratuita.

O evento acontece no âmbito do Plano Anual de Manutenção AML (PRONAC 203709), realizado mediante a Lei Federal de Incentivo à Cultura, com patrocínio do Instituto Unimed-BH – por meio do incentivo fiscal de mais de cinco mil e duzentos médicos cooperados e colaboradores – e da CEMIG. Copatrocínio da Tambasa.

O livro, que motiva a palestra, é o segundo volume de ensaios com essa temática publicado pelo autor. Ensaios para uma história da arte de Minas Gerais no século XIX — Volume II reúne textos dedicados ao estudo de obras, documentos e acontecimentos que evidenciam os caminhos percorridos pelos principais representantes da arte mineira oitocentista, marcos considerados relevantes para o registro da história da arte regional e nacional.

Para além de suas propostas mais diretas, os ensaios que compõem a coletânea visam a estimular uma necessária reflexão acerca das ações, das circunstâncias e das dificuldades próprias que caracterizaram o momento histórico em que se deram a introdução e o desenvolvimento da arte moderna em Minas Gerais, a partir da última quadra do Segundo Reinado.

Embora escritos originalmente de forma independente, em épocas distintas, guardam determinados estudos uma relação bem próxima entre seus temas e motivos e, da mesma forma, perfazem um movimento contínuo de enriquecimento e diálogo com os ensaios coligidos no primeiro volume, publicado em 2015.

 

Sobre o autor e palestrante

Ricardo Giannetti nasceu em Belo Horizonte em 1954. É pesquisador e autor de estudos sobre a arte e a música brasileiras do século XIX, em especial sobre a arte mineira oitocentista. Suas investigações temáticas geraram inúmeras publicações em livros, catálogos, periódicos e anais de encontros científicos da área. Em 2013, escreveu o estudo “Um músico brasileiro em Bayreuth” na edição brasileira do livro Richard Wagner e Tannhäuser em Paris, de Charles Baudelaire, organização e tradução de Eliane Marta Teixeira Lopes. Para publicações do Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand (MASP), escreveu os artigos “José Ferraz de Almeida Junior: O Pintor Belmiro de Almeida“, na coletânea Entre nós: antologiaA Figura Humana no acervo do MASP, relativa à exposição homônima realizada no Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Brasília (2017); e “O Aleijadinho visto pelo século 19”, no catálogo da exposição Imagens do Aleijadinho, realizada no MASP, em São Paulo (2018). É autor do livro Ensaios para uma história da arte de Minas Gerais no século XIX, publicado em 2015, no qual aborda o tema proposto numa coletânea de oito textos.

SERVIÇO:

Academia Mineira de Letras

Lançamento do livro e palestra “Ensaios para uma história da arte de Minas Gerais no século XIX”, de Ricardo Giannetti

 

Data: 1º de dezembro, às 19h

Local: AML – R. da Bahia, 1466 – Centro

Entrada gratuita

Instituto Unimed-BH

Associação sem fins lucrativos, o Instituto Unimed-BH, desde 2003, desenvolve projetos socioculturais e ambientais visando à formação da cidadania, estimular o bem-estar e a qualidade de vida das pessoas, fomentar a economia criativa, valorizar espaços públicos e o meio ambiente. Ao longo de sua história, o Instituto destinou cerca de R$155 milhões por meio das Leis municipal e federal de Incentivo à Cultura, fundos do Idoso e da Infância e Adolescência, com o apoio de mais de 5,2 mil médicos cooperados e colaboradores da Unimed-BH. No último ano, mais de 6,5 mil postos de trabalho foram gerados e 4,8 milhões de pessoas foram alcançadas por meio de projetos em cinco linhas de atuação: Comunidade, Voluntariado, Meio Ambiente, Adoção de Espaços Públicos e Cultura, que estão alinhados aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030. Acesse www.institutounimedbh.com.br  e saiba mais.

Cemig

De onde vem a nossa força?

 A Cemig, maior patrocinadora cultural de Minas Gerais, acredita na importância e na valorização da arte e da cultura para o desenvolvimento humano, econômico e social de uma população como possibilidade do alcance de um futuro melhor para as novas gerações.

 A preocupação da empresa em promover a socialização e a democratização do acesso aos bens culturais do estado se baseia principalmente no compromisso da Cemig com a transformação social e inclusão, uma oportunidade de dialogar e trazer melhorias para a comunidade.

 Nossa força também vem da cultura. Saiba mais em www.cemig.com.br

Leo Junior
Leo Juniorhttps://viralizabh.com.br
Bacharel em Publicidade e Propaganda pelo Centro Universitário UNA, graduado em Marketing pela Unopar e pós graduado em Marketing e Negócios Locais e com MBA em Marketing Estratégico Digital, é um apaixonado por futebol e comunicação além de ser Jornalista certificado pelo Ministério do Trabalho.
RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Dê sua sugestão!spot_img

Most Popular

Recent Comments